Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Gergia Santos - 20/09/2012

Greve tem adeso de funcionrios do BB e CEF

Compartilhar:

Sindicalistas realizam manifestação na porta da Caixa Federal para conseguir a adesão dos funcionários da instituição

Greve dos bancários ganha força e mais uma agência aderiu ao movimento. Em Uberaba, 30% da categoria está parada e a previsão é que este número aumente até o fim desta semana. Duas agências do Banco do Brasil e duas da Caixa Econômica estão com funcionários em greve, e a expectativa é que amanhã a greve atinja os bancos privados. Em todo país são mais de 5,2 mil agências paradas.

A greve nacional dos bancários começou na terça, e o número de agências paradas já supera a greve do ano passado, em que 4,2 mil em todo país ficaram por mais de 20 dias sem funcionar. Entre as reivindicações da categoria, segundo o presidente do Sindicato dos Bancários de Uberaba e Região, Maurício de Sousa, está o reajuste salarial de 10,25%, melhores condições de trabalho, Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS) em todos os bancos, mais segurança contra assaltos e sequestros e ampliação do horário de atendimento bancário, com dois turnos de trabalho.

“Ontem conseguimos atingir mais uma agência, os funcionários do Banco do Brasil do centro aderiram ao movimento. Estamos no limite de uma guerra, é como um incêndio, em que o fogo vai se alastrando, e aos poucos o número de grevistas também vai aumentando. Toda categoria está unida no país, principalmente nas capitais”, explica.

Antes da greve, que foi deliberada a partir de uma assembleia, houve negociações com os banqueiros. Segundo Maurício, a categoria até se surpreendeu, pois, em 16 anos, somente agora a proposta inicial para reajuste salarial foi maior, de 6%, mas os trabalhadores ainda entendem que está muito distante do que estão reivindicando. “Pensamos que a proposta iria ser ampliada, pois na primeira é normal oferecer uma quantia mais baixa, para melhorar no decorrer das negociações. Mas isso não aconteceu, e este ano estamos novamente de greve”, afirma.

Desde já o presidente do sindicato pede a compreensão dos usuários de bancos, pois serão inevitáveis os transtornos durante o período de greve e afirma ainda que este é único meio de chamar atenção dos banqueiros para atender às reivindicações da categoria. Além disso, vale ressaltar que greve deve atingir bancos privados a partir desta sexta-feira.



OUTRAS NOTCIAS


STF j tem 10 processos a analisar questionando a reforma trabalhista (17/12)
Armas e munies apreendidas ficaro sob a guarda policial e no da Justia (17/12)
Aparecimento de escorpies aumenta com o clima quente (17/12)
Diferena de preos entre os postos da cidade chega a 26,54% para o etanol (17/12)
Rua onde ficava o Boulanger Pucci ser aberta ao trfego esta semana (17/12)
Educao faz planto a partir de 2 para atender alunos de novos bairros (16/12)
Movimento no terminal rodovirio deve crescer at 30% no Natal (16/12)
Aps entrega de documentos, MP quer explicaes sobre rea do cemitrio (16/12)
Procurador move ao contra lei que permite ocupao de APA (16/12)
Loteamentos na zona rural de Uberaba so comercializados irregularmente (16/12)
1 Mutiro de Conciliao de 2018 est previsto para janeiro (16/12)
Atualizao do Cadastro nico para idosos prorrogado (16/12)
Vigilncia Sanitria inicia fiscalizao sobre venda de culos de sol e grau (15/12)
A 15 dias do fim do prazo, 600 idosos ainda no atualizaram informaes no Cadastro nico (15/12)
Terminam hoje inscries do vestibular de Pedagogia e Matemtica da Faceub (15/12)
Bares e restaurantes esperam vender 15% a mais com festas (15/12)
Policiais militares mineiros vo receber 13 salrio em duas vezes (15/12)
Procon e Posturas interditam seis agncias do Ita (15/12)
Eleies Confea/Crea tem quatro urnas em Uberaba (15/12)
Inaugurada iluminao de Natal no Parque Fernando Costa (15/12)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Os vereadores aprovaram em segundo turno, por 13 votos a um, o aumento do nmero de cadeiras para a prxima legislao, em 2021. Voc concorda com a proposta?




JM FORUM
Empresas do transporte coletivo solicitam aumento de cerca de 10% no valor da passagem, que pode chegar a R$ 4,17 em 2018. Na sua opinio, o que poderia justificar este aumento?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017