JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 21 de maio de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Cidade tem retração na geração de emprego em março, segundo Caged

No entanto, os resultados ainda são positivos para a cidade considerando os últimos doze meses

25/04/2019 - 00:00:00. - Por Daniela Brito Última atualização: 25/04/2019 - 08:03:33.

Divulgação

Uberaba apresentou retração na geração de empregos no mês de março, conforme revela o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado nesta quarta-feira (24), pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. No entanto, os resultados ainda são positivos para a cidade considerando os últimos doze meses. 

Em março, foram efetivadas 3.172 admissões, contra 3.334 demissões, contabilizando saldo negativo de 162 postos de trabalho com carteira assinada no município. O setor que mais recuou em geração de emprego foi o da construção civil. No período, foram contabilizadas 260 novas contratações, mas houve o registro de 619 desligamentos, resultando em saldo negativo de 359 vagas de trabalho.

O setor de serviços se destacou pelo número de contratações e, ao mesmo tempo, pelo volume de demissões. Em março, foram gerados 1.127 empregos com carteira assinada, mas foram registradas 1.193 demissões, totalizando 66 postos de trabalho a menos.

Por outro lado, a Indústria da Transformação é o setor que obteve a melhor performance na geração de empregos em Uberaba. Ao longo do mês passado foram contabilizadas 939 novas vagas contra 567 demissões, com saldo positivo de 372 novos postos de trabalho.

Ao longo dos últimos doze meses, Uberaba ainda apresenta números positivos, de acordo com o Caged. No total, foram 36.019 admissões contra 35.601 demissões, contabilizando acréscimo de 418 novas vagas de trabalho no município.

Ainda de acordo com o Caged, o Brasil perdeu 43.196 vagas de emprego formal em março deste ano em decorrência das 1.261.177 admissões contra 1.304.373 demissões. Em Minas Gerais, o saldo contabilizado foi positivo com 5.163 novas vagas em março. 

Secretário diz que cidade foi a que mais abriu vagas na região em 2018. O secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, José Renato Gomes, destaca que a cidade fechou o ano com o melhor saldo positivo na geração de empregos no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. Além disso, ele destaca que Uberaba tem sido contemplada nos últimos meses com diversos investimentos. Segundo Gomes, tradicionalmente, os primeiros meses do ano são desfavoráveis na geração de empregos. “Acredito que iremos repetir os bons números do ano passado, baseados nos investimentos anunciados e em outros que estão em processo de fechamento”, afirma. 

Ainda conforme o secretário, no mês passado, o Grupo Petrópolis divulgou a geração de 700 empregos, além das vagas de construção civil para a obra, que já está iniciada. Também, conforme recente divulgação, ainda no primeiro semestre deste ano, a nova loja do Atacadão, do Grupo Carrefour, estará operando, em que serão mais cerca de 250 oportunidades diretas e 250 indiretas de emprego, além de contratações temporárias para obras do empreendimento.

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia