JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 20 de março de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Pescadores fora de atividade desde novembro estão sem receber seguro

Faltando sete dias para o término da piracema, período em que a pesca é proibida, profissionais

22/02/2019 - 00:00:00. - Por Luiz Gustavo Rezende Última atualização: 22/02/2019 - 06:47:56.

Faltando sete dias para o término da piracema, período em que a pesca é proibida, profissionais que vivem dessa atividade e deram entrada em solicitação do Seguro-Desemprego do Pescador Artesanal (SDPA) ainda não receberam nenhuma parcela do benefício. A situação foi revelada, nessa quinta-feira, por pescador à reportagem.

Argemiro Pereira dos Santos afirma que entrou com pedido solicitando a ajuda em novembro do ano passado e reclamou que a causa de os pescadores ficarem sem o benefício é o excesso de burocracia no Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). 
 
Ainda de acordo com ele, os atendentes do INSS, quando consultados a respeito do benefício, afirmavam que era para acompanhar por meio de aplicativo. O status conferido, segundo ele, sempre foi como “em análise”.
 
O pescador ainda externou insatisfação com a Associação de Pescadores Profissionais de Uberaba e Aquicultura (APPUA), que, na visão dele, não atua junto ao INSS para dar suporte aos pescadores.
 
Durante toda a tarde, equipe de reportagem tentou, sem sucesso, contato com o INSS, mas as ligações não foram atendidas. Assessoria do órgão, sediada em Belo Horizonte, também foi procurada e não atendeu as ligações.
 
O Jornal da Manhã tentou entrar em contato com a APPUA, a partir das 15h até as 18 horas. O telefone fixo da entidade esteve ocupado em todas as tentativas de comunicação e o celular passado à reportagem não atendeu as ligações. 
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia