Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Thassiana Macedo - 13/09/2017

Fetaemg faz evento sobre reforma trabalhista

Compartilhar:

Foto/Divulgação

Vilson Luiz da Silva, presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Minas Gerais, durante o evento

Uberaba sedia desde ontem o seminário “O Movimento Sindical de Trabalhadores Rurais e a Reforma Trabalhista – Impactos e Desafios”, promovido pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg). O objetivo do encontro é discutir sobre a reforma aprovada pelo governo com as 150 lideranças sindicais do Triângulo Mineiro e noroeste do Estado, informando os pontos que sofrerão mudanças e alertar os trabalhadores para os impactos que elas poderão trazer para a vida dos trabalhadores.

O presidente da Fetaemg, Vilson Luiz da Silva, afirma que a discussão é fundamental para que a classe trabalhadora compreenda todas as particularidades sobre a nova lei e a gravidade da reforma trabalhista, bem como para ter consciência de que a luta e o voto nas eleições são as principais ferramentas para a reestruturação do país.

O dirigente reforça que as mudanças na lei vão valer a partir de novembro, mas muitos empresários já estão se antecipando e a classe trabalhadora não pode ficar só assistindo. “Trouxemos o corpo jurídico da Federação para explicar tudo aquilo que falaram na televisão sobre a reforma, de que ia ser bom para gerar empregos, mas estamos chegando à conclusão que com a reforma trabalhista que foi aprovada no Brasil, com parte da CLT e da Constituição rasgadas, o desemprego pode chegar a 30 milhões de brasileiros. E com uma tentativa mais profunda de enfraquecer os sindicatos, ferramenta de luta de uma categoria”, alerta.

A programação em Uberaba termina hoje e o seminário segue para Alfenas, onde debates e palestras ocorrem a partir de amanhã (14). Antes disso, os debates entre as lideranças sindicais presentes em Uberaba vão resultar em deliberações sobre os próximos passos. “Vamos sinalizar qual serão os encaminhamentos, qual será a nossa atitude para manter o movimento firme, forte, ousado e combativo para defender e contrapor todo esse processo que a classe empresarial está jogando contra os trabalhadores”, frisa.



OUTRAS NOTCIAS


Uberaba ser palco Miss Plus Size na prxima sexta (16/07)
III Opimu reuniu alunos da rede municipal de Educao (16/07)
Graduao do IFTM oferece vagas remanescentes (16/07)
Gestante que recusou reintegrao ganhar indenizao substitutiva (16/07)
Sedest refora convocao para vistoria de autorizatrios do transporte escolar (16/07)
Biblioteca Municipal inicia mais uma edio da Colnia de Frias (16/07)
Trecho aberto do Calado recebe melhorias de drenagem (16/07)
Vacinao antirrbica de ces e gatos na zona rural comea nesta segunda (16/07)
Oasis lana McDia Feliz, que este ano acontece no dia 25 de agosto (15/07)
Aeroporto de Uberaba recebe exposio Yes, Ns Temos Dinossauros, de paleoartista (15/07)
Programao da Megacana Tech Show ter Dia Tcnico da Faemg e CNA (15/07)
Justia Federal faz limpeza e descarta 1,8 mil processos antigos (15/07)
Codau Cultural ser semana que vem, com homenagem ao rock and roll (15/07)
Campanha do Agasalho animal arrecada quase 300 peas e segue at o fim do ms (15/07)
Consultas ao SPC crescem 3,19% em junho deste ano comparado ao de 2017 (14/07)
Evento de universitrios doou mais de duas toneladas de reciclveis Cooperu (14/07)
Campe em queimadas, Uberaba vai lanar plano de ao para preveno (14/07)
Eleitor poder fazer transferncia temporria de sua seo eleitoral (14/07)
Professores da rede particular aprovam indicativo de greve (14/07)
Concha Acstica ser palco de Tributo ao Clube da Esquina neste domingo (14/07)




San Marco - 13jul
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Voc acredita que o problema de emisso de Carteiras de Trabalho ser resolvido com o apoio do Sine Municipal, que passar a emitir o documento possivelmente ainda neste ano?




JM FORUM
Diante do crescente nmero de moradores de rua e com o fechamento do albergue municipal, a Seds lana nova etapa de poltica de resgate. Na sua opinio, como a situao de rua pode ser revertida em Uberaba?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018