Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Letcia Morais - 17/02/2017

Funcionrios dos Correios podem fazer greve para garantir direitos

Compartilhar:

Foto/Neto Talmeli

 

Wolnei Capoli, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, Telégrafos e Similares de Uberaba e Região, diz que funcionários estão em estado de alerta

Trabalhadores nos Correios estão em estado de alerta, com possibilidade de greve geral. De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, Telégrafos e Similares de Uberaba e Região (Sintect-URA), Wolnei Capoli, após reunião realizada na tarde de quarta-feira (15), foi deliberado estado de greve, porque os funcionários estão vivenciando momento difícil na empresa.

“As medidas que a direção da empresa vem adotando para fazer essa suposta economia, inclusive, com as notícias de demissão sem justa causa, não agradam à categoria. Nós somos concursados e a empresa prega que está com déficit e, para isto, ela demite trabalhadores?”, questiona, lamentando.

Conforme Wolnei, todos os sindicatos brasileiros têm essa semana para realizar as assembleias para decidir se deliberarão a favor ou não da greve. “As ameaças da empresa de demissão e de compartilhamento no nosso plano médico. Na iminência de descumprimento do acordo coletivo de trabalho, que tem data-base em agosto, nós vamos entrar em greve por período indeterminado”, garante Wolnei Capoli.

Segundo o sindicalista, no sábado (18) e domingo (19), os sindicalistas vão se reunir em Brasília, no Distrito Federal, com a Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores para debater essas questões e analisar a possibilidade de greve. Caso não haja acordo, a expectativa é de realizar uma grande manifestação na porta da empresa em Brasília, na segunda-feira (20), às 10h. “Queremos conscientizar a empresa e colocar alternativas para melhorar o quadro da empresa, disponibilizando cargos que hoje são meramente políticos à disposição, e não apenas os de carteiros, atendente”, pontua, acrescentando que, para cada cargo comissionado, a empresa pagaria de quatro a seis carteiros. “Colocando alguns cargos do alto escalão à disposição para salvar a empresa, com certeza, não precisaria mandar embora de forma deliberada os nossos aposentados, não precisa forçar a saída de atendentes, de motoristas e carteiros”, salienta.

Leia também: Prazo para adesão ao demissão voluntária será encerrado hoje



OUTRAS NOTCIAS


Pesquisa revela que brasileiros j preferem fazer compras pela internet (25/06)
Municpio alega que no pode pagar por dia no trabalhado (25/06)
Sindicato aciona a Justia para que PMU pague dias a grevistas (25/06)
Levantamento indica que guas de minas na cidade esto imprprias (25/06)
Semana de Incluso no Trnsito foca no uso das vagas preferenciais (24/06)
Aplicao de vacinas em farmcias bem recebida pelo setor (24/06)
Trabalhadores tm menos de 7 dias para sacar o abono salarial de 2015 (24/06)
Cohagra d prazo at hoje para que candidatos a muturios entreguem documentos pendentes (23/06)
Cruzamento do calado com a Leopoldino ter ao educativa (23/06)
Em uma semana, comisso recebe duas doaes de rgos no Hospital de Clnicas (23/06)
Termina hoje prazo do cadastro para buscar vaga na escola pblica (23/06)
Prefeitura vai qualificar e credenciar podadores de rvores da cidade (22/06)
Sebrae, Aciu e CDL garantem apoio quinta edio da ExpoCigra Fiemg (22/06)
Cohagra diz que ao do MP e que apenas est dando apoio (22/06)
Notificao surpreende moradores de rea de risco no Jardim Uberaba (22/06)
Pouco espao no Frum para sem-teto de Delta cancela audincia (22/06)
Piau entrega viaduto da Padre Eddie Bernardes nesta sexta-feira (22/06)
Leilo de bens da PMU acontece hoje (22/06)
Fundao Cultural leva atraes culturais tpicas ao Arrai da ABCZ (22/06)
Cadastramento escolar online para 2018 termina nesta sexta-feira (22/06)




Boulevard Mall Edson Prata - novo
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Voc acredita que o Hospital Regional abrir as portas at agosto?




JM FORUM
Aps derrota no Senado, a tramitao da Reforma Trabalhista segue e deve chegar votao em plenrio at o fim do ms. Qual a sua opinio sobre a reforma?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017