Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
ALTERNATIVA
Tamanho do texto: A A A A
ALTERNATIVA
30/03/2017

Compartilhar:



Foto/Neto Talmeli

Escritor e engenheiro João Eurípedes Sabino tomou posse como presidente da Academia de Letras do Triângulo Mineiro na manhã dessa quarta-feira

Estica e puxa
Não conseguindo esticar os salários, professores grevistas partiram para o alongamento do corpo, na manifestação em frente ao Centro Administrativo, à tarde passada. Parecia uma academia de ginástica no meio da rua, com música e personal puxando os movimentos. Uma graça! Mas atitude dividiu opiniões. Houve quem achasse divertido o recado dado pelos educadores. Mas também teve muita gente criticando a atitude dos grevistas, ao argumento de que o movimento teria perdido a linha. Uma coisa é certa: o protesto foi diferente de tudo o que já se viu...

Festa de arromba
Por falar em protestos, no Rio de Janeiro os servidores da Assembleia Legislativa levaram bolo e rojões para a porta daquela Casa, logo depois que o seu presidente foi levado coercitivamente pela Polícia Federal. Deputado Jorge Picciani, um dos caciques do PMDB no país, ficou mais de três horas na PF, depondo na chamada Operação Quinto do Ouro. O dia foi “quente” por lá, com direito à prisão de 5 dos 7 conselheiros do Tribunal de Contas do Estado, sob acusação de envolvimento em esquema de corrupção. Essas histórias parecem não ter fim...

Dois pesos e duas medidas
Qualquer brasileiro com um mínimo de dignidade deve ter-se sentido ofendido com a decisão judicial que concedeu “prisão domiciliar” à advogada Adriana Ancelmo, esposa do ex-governador do Rio, Sérgio Cabral. O argumento usado pela defesa dela foi revoltante: ter dois filhos menores de idade, privados da convivência com pai e mãe. Venha cá: quantas presidiárias são mães, têm filhos pequenos, e continuam atrás das grades? Por que esse privilégio para a ex-primeira-dama? É tão ou mais criminosa do que aquela ladra que assaltou um turista no calçadão e foi presa. Francamente! É por decisões judiciais como esta que os brasileiros perdem o respeito pelo Poder Judiciário.

Vai ou não vai? – Deputado estadual Tony Carlos e o prefeito Paulo Piau estiveram ontem com o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, em Belo Horizonte. Na pauta, as tratativas para formalizar o repasse do prédio do antigo Fórum Melo Viana à Prefeitura.

Pra depois – Como tudo no Judiciário anda a passo de tartaruga, o presidente do TRE/MG prometeu envidar todos os esforços para que o prédio do antigo Fórum, na rua Lauro Borges, possa ser compartilhado com a Prefeitura a partir do ano que vem. Mas enquanto a Justiça Eleitoral estiver fazendo o cadastramento biométrico dos eleitores não há a menor chance para esse compartilhamento. Cá pra nós: aquele prédio é muito grande para abrigar apenas os cartórios eleitorais.

A caminho
Radares fixos estarão de volta às ruas de Uberaba já nas próximas semanas. Como toda notícia pode ser piorada, os radares móveis (aqueles que viviam escondidos atrás de caçambas de lixo e de postes), também. Se por um lado os radares inibem o excesso de velocidade, de outro se tornam fonte certeira de reclamações contra a chamada indústria da multa que por muito tempo foi criticada no governo passado.

Caos
É um verdadeiro martírio subir a rua São Sebastião, rumo ao bairro Mercês, nos horários de entrada e saída de alunos do Colégio Marista. Pais continuam parando em fila dupla, atrapalhando o tráfego dos demais veículos. Como a rua é estreita, e o estacionamento permitido de um lado, fica impossível fugir do congestionamento. A menos que o motorista opte por outro caminho. Não menos complicado é o trânsito no entorno do Colégio Dr. José Ferreira. Uma solução precisa ser pensada para esses locais. Não dá para continuar assim. Afinal, se o Colégio Nossa Senhora das Dores conseguiu resolver o problema na entrada e saída dos seus alunos, sem tumultuar o trânsito para terceiros, por que as outras escolas não conseguem?

Bom conselho
Ex-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Fakher Fakhouri, avalia que o momento político-econômico do país não está favorável a aventuras e passos muito largos pelos comerciantes. Segundo ele, “o lojista precisa ter o seu negócio ao alcance da própria mão, para poder recuar, se a economia não melhorar”. É hora de cautela. E de observar.

Novo endereço
Depois de ser assaltada e diante da constatação das falhas graves na segurança do imóvel, a agência Select do Banco Santander ficou inoperante esta semana. Todos os atendimentos foram transferidos para a agência da avenida Santos Dumont.


Lançamento do livro “Empreendendo Sonhos – A história do Laboratório Sabin e seu premiado modelo de gestão”, de autoria das bem-sucedidas empresárias Janete Vaz e Sandra Soares Costa, movimentou a noite de segunda-feira, em Uberaba
Foto Jairo Chagas

 







EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

Uai Tracker animado
ENQUETE
Aps srie de vitrias sob o comando de Tite, a Seleo Brasileira garantiu sua classificao para a Copa do Mundo de 2018, na Rssia. Voc acredita que o Brasil vai voltar a dar alegria ao torcedor, esquecendo o vexame da Copa passada?





JM FORUM
Grande parte do funcionalismo pblico, sobretudo os professores, est em estado de greve ou analisa a adeso. Na sua opinio, esta uma medida eficaz neste momento?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017